JÀ NO AR (Beta)

JÀ NO AR (Beta)
Clique e assista

ENTRE NO MAIOR SHOP ONLINE DO BRASIL

terça-feira, 16 de julho de 2013

AS VADIAS VÃO PROTESTAR NA JMJ

Varias Marchas estão sendo marcadas para a visita do Papa 3  estão confirmadas




A mais polemica é a Marcha das Vadias
Organizada pela ativista da AMB (Associação de Mulheres Brasileiras) Rogéria Peixinho para o dia 27 de julho, em Copacabana, na zona sul da cidade, mesmo dia em que o papa Francisco participará de três eventos da Jornada Mundial da Juventude.

Segundo ela, a chegada do pontífice à capital fluminense terá como "contraponto a livre manifestação de uma outra juventude", na rua, "protestando contra a opressão e o controle da vida e da sexualidade das mulheres".

Segundo Rogéria Peixinho, a chegada do pontífice à capital fluminense terá como "contraponto a livre manifestação de uma outra juventude", na rua, "protestando contra a opressão e o controle da vida e da sexualidade das mulheres".
"A presença do papa e os recursos públicos alocados para a visita de um líder espiritual colocam em xeque a laicidade do Estado. (...) Esse tema está dentro dos eixos da marcha, assim como o direito ao corpo, as denúncias sobre os casos de estupro que estão aumentando principalmente no Rio, e a formulação de políticas públicas de proteção às mulheres", disse ela.

O ato a partir das 14 horas, com concentração no Posto 5, de onde as manifestantes devem caminhar pela orla em direção ao Posto 2.


O grupo Católico (Pelo Direito de Decidir) 

Fará um protesto simultâneo em 13 cidades brasileiras no domingo (21/07), na véspera da chegada do papa Francisco para a Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro

Este grupo reúne religiosas que militam em favor de causas relacionadas aos direitos das mulheres, como a legalização do aborto, a derrubada do Estatuto do Nascituro (PL 478/2007), que vem sendo chamado de "bolsa estupro", a proibição do sexo antes do casamento, entre outras.


O protesto contra a corrupção 

Será no dia 26 está previsto para as 17 horas, com concentração na estação de metrô da Cardeal Arcoverde. Os organizadores afirmam que o ato não é contra a vinda do pontífice nem contra a Igreja Católica, e pretendem aproveitar a visibilidade da JMJ para protestar contra a corrupção e pela melhoria dos serviços públicos

Nenhum comentário:

O QUE ACONTECE AGORA - ÚLTIMAS NOTICIAS

ESPORTE AQUI CONFIRA

OS MELHORES JORNAIS ONLINE DO MUNDO

OS MELHORES JORNAIS ONLINE DO MUNDO

O QUE ACONTECE PELO MUNDO AGORA